quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

O nosso pinheirinho dos Direitos Humanos


Projeto "Educar para os Valores"


Os alunos e docentes do 1.º ciclo estão a desenvolver o projeto "Educar para os valores". Neste 1.º período optou-se por trabalhar a amizade e a partilha. A Biblioteca Escolar envolveu-se nestas atividades e preparou para esta semana uma história e uma seleção de curtas metragens para apresentar a todos os alunos. Na passada 4ª feira as alunas Ana Margarida Rodrigues, Beatriz Pina e Carolina Vouga foram contar a história aos alunos do 1º e 2º anos da Escola Básica. 

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos - 3º dia

O último dia do Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos foi dedicado ao tema da Pobreza e da Exclusão Social. Dinamizámos novamente a Maratona de Cartas 2014 e iniciámos a nossa sessão no auditório com a performance “Fantasmas da minha rua”, desta vez em formato vídeo, um trabalho da Cristiane, da Carolina e da Carina.
Foi nosso convidado o Dr José Machado da Rede Europeia Anti-Pobreza uma organização sem fins lucrativos, fundada em 1990 em Bruxelas, que está representada em 30 países através de 18 núcleos distritais. O Núcleo de Viseu iniciou a sua atividade em junho de 2005, com a finalidade de congregar um conjunto de instituições de solidariedade social do distrito, e desenvolver conjuntamente estratégias de intervenção social, com vista a erradicar/ atenuar a pobreza e a exclusão social. Foi atribuído a EAPN Portugal em 2010 o Prémio Direitos Humanos. Para além de uma breve explicação sobre o trabalho da EAPN, foi feita uma alusão à história da pobreza através dos séculos e dinamizadas com os alunos algumas dinâmicas que tornaram a sessão bastante interessante.
À tarde exibimos o filme “Quem quer ser bilionário?" realizado por Danny Boyle, vencedor de 8 categorias na edição dos Óscares de 2009.

E chegámos ao fim deste Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos. Aprendemos que os Direitos Humanos não são coisas fechadas na Lei e nos papéis e que, todos os dias, nos vemos confrontadas e confrontados com situações de desrespeito destes direitos, que ocorrem muitas vezes sem nos apercebermos. É, por isso, indispensável que mais gente conheça os Direitos Humanos, direitos universais e protegidos em qualquer parte do mundo, em qualquer circunstância. É, também, conhecendo-os que conseguimos perceber quando são desrespeitados e violados, para podermos levantar-nos contra todas as situações em que tal aconteça. Não basta revoltarmo-nos internamente, temos também de agir para mudar e, para isso, precisamos de aprender como. Afinal, como dizia Malala: “Um aluno, um professor, um livro e uma caneta podem mudar o mundo”.

Queremos agradecer a todos os alunos e professores que participaram nas atividades durante estes três dias e muito especialmente aos que connosco colaboraram de uma forma mais próxima – à professora Maria Aguiar e aos alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo que nos presentearam a todos com as suas fantásticas performances; aos nossos convidados que dinamizaram as diversas sessões; às funcionárias Carla Pereira, Fátima Silva e Sr. Rui; às turmas do 10ºJ e 12ºJ que apoiaram o desenrolar das atividades; à nossa apresentadora, Daniela Lagarto que conduziu as várias sessões de forma bastante profissional e à direção da escola pelo apoio que deu para que este ciclo se realizasse. Muito obrigada!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Filomena - um filme que vale a pena ver!

Disponível na Biblioteca

Ciclo de Reflexão sobre Direitos humanos - 2º dia

Iniciámos o segundo dia do Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos com a Maratona de Cartas 2014, apoiando os 4 casos selecionados pela Amnistia Internacional:  Moses. Liu, Mulheres de Mkhondo e Chelsea. Contámos com a presença da Dra Patrícia Filipe do Núcleo de Viseu da Amnistia Internacional que ajudou a recolher diversas assinaturas durante o intervalo e que fez uma breve apresentação desta iniciativa e dos casos selecionados na sessão que se seguiu no auditório.

Comemorando-se hoje mais um aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, convidaram-se os alunos e docentes a despertar para situações de desrespeito dos direitos humanos (que não são apenas situações específicas de guerra ou de tortura) mas que estão presentes em todas as esferas da nossa vida e do nosso dia-a-dia. A este propósito, a Dra Maria do Céu Pinhel lembrou a importância do respeito que deve existir na escola, sobretudo nas salas de aula, lamentando que, principalmente nos últimos anos, as relações entre professores e alunos se tenham vindo a deteriorar, muito motivadas pela falta de respeito de alguns alunos que não sabem estar em lado nenhum.

O dia de hoje incidiu na temática do Tráfico de Seres Humanos, um crime que afeta 27 milhões de vítimas no mundo. Foi exibido o documentário “Os novos Escravos - um trabalho realizado pela SIC, com o apoio da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género. Filmado em Portugal, no Brasil e na Roménia, o documentário mergulha na problemática do tráfico de pessoas, um crime global, ao qual Portugal não escapa ileso.

Da parte da tarde, foi exibido o filme “Filomena” que se encontra disponível na biblioteca para quem não pode estar presente. 

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Ciclo de Reflexão de Direitos Humanos – 1º dia

Iniciámos o Ciclo de Reflexão de Direitos Humanos com a performance “Manifestamente Melhor – Direitos Humanos em 10 Mandamentos” dinamizada no hall de entrada da escola pelos alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo. Um texto inédito, criado propositadamente para este evento. Seguiu-se a Marcha pelos Direitos com a colocação de cartazes na sala de convívio dos alunos. Às 10 h e 20 m teve lugar a 1ª sessão no auditório da escola, repleto de alunos. Repetiu-se a performance e o subdiretor do agrupamento, Dr. Fernando Espinha abriu oficialmente este ciclo de reflexão.

Antes de se passar ao tema do dia – a violência doméstica, ainda houve tempo para a exibição de um vídeo alusivo à Declaração Universal dos Direitos Humanos e para ouvir a Carolina Vouga declamar o texto “O teu namorado de 16 anos não é nervoso é uma besta!”.
Seguiu-se a Dra Ana Carvalho em representação do Núcleo de Atendimento às Vitimas de Violência Doméstica do Distrito de Viseu que abordou o tema Violência no Namoro e respondeu às várias questões colocadas pela plateia.

A tarde iniciou-se com a performance “Entre iguais não há géneros” dinamizada pela Rute, pela Bárbara e pelo Pestana. Novamente um texto inédito, criado durante as aulas com a professora Maria Aguiar. Seguiu-se um pequeno vídeo que nos conduziu através da história dos Direitos Humanos revelando o esforço que tem sido feito ao longo dos séculos para se conseguirem algumas conquistas (a abolição da escravatura, a aprovação da declaração universal) e o muito que ainda há a fazer. Demos depois a palavra à nossa convidada, a autora do livro “(Re)Contos de Violência Doméstica”, Filomena Iria que nos trouxe um pouco da sua história de vida, parte dela materializada no livro que escreveu e que nos apresentou. O tempo foi curto para responder a todas as questões que a plateia (que seguiu toda a sessão em silêncio) lhe colocou. Obrigada Filomena por esta emocionante partilha!

Amanhã dedicaremos o dia ao Tráfico de Seres Humanos, um crime em que se estima que estejam envolvidos cerca de 27 milhões de vítimas!

Obrigada a todos que contribuíram para que este primeiro dia do nosso ciclo corresse tão bem! 

Ficam algumas fotos:

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos


Entre 9 e 11 de dezembro realizaremos na ESFA mais um Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos. Serão três dias de reflexão sobre a temática, incidindo particularmente na Violência Doméstica, no Tráfico de Seres Humanos e na Pobreza e Exclusão Social. Contaremos com a presença de várias organizações convidadas - Núcleo de Atendimento à Vítima de Violência Doméstica de Viseu, Amnistia Internacional e Rede Europeia Anti-Pobreza - às quais, desde já, agradecemos toda a disponibilidade. No primeiro dia, teremos também connosco a Filomena Iria que apresentará o seu livro "(Re)Contos de Violência Doméstica. 
Os alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo realizarão várias performances alusivas a cada um dos temas em foco e abrirão este ciclo com a apresentação da performance "Manifestamente Melhor - Direitos Humanos em 10 Mandamentos - um texto que criaram especialmente para este evento. 
A exibição de filmes/documentários (Filomena, Quem quer ser Bilionário? "Os novos escravos"), e várias exposições/instalações complementam o programa.

Junte-se a nós nestes dias de reflexão, por um mundo... manifestamente melhor!

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Este mês nas bibliotecas...


Dezembro vai ser um mês recheado de atividades nas Bibliotecas Escolares.
Iniciaremos com as comemorações do  Dia da Pessoa com Deficiência, seguindo-se entre 9 e 11, o Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos (ESFA) e a Feira do Livro (ACO e GEA).
O projeto "Educar para os Valores" do 1º ciclo, o concurso de de presépios e de contos de Natal e o "Natal Diferente" completam as iniciativas.
Mantêm-se os concursos e desafios mensais!

Agora que se aproximam uns dias de descanso, não deixe de ir à biblioteca e leve um livro "para passar o Natal consigo"!

Bom mês... boas leituras!

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

"Mulheres de Mkhondo" - um dos casos da Maratona de Cartas 2014

Hoje a assinalar o Dia Mundial da Sida, divulgamos um dos casos da Maratona de Cartas 2014 que iremos apoiar no Ciclo de Reflexão sobre Direitos Humanos que decorrerá entre 9 e 11 de dezembro.  
Mulheres de Mkhondo
Grávidas e recém-mamãs estão a morrer na comunidade de Mkhondo, na África do Sul, por não terem acesso a serviços de saúde pré-natal. A questão do acesso a cuidados médicos está também relacionada com o elevado risco de infeção pelo VIH SIDA e de gravidezes não planeadas. Mais de 10% das raparigas com menos de 18 anos estão grávidas.
Muitas desconhecem a importância dos cuidados de saúde pré-natal, ou não têm acesso a clínicas devido à falta de transporte ou ao seu elevado preço. Há também grandes falhas em termos de pessoal médico com experiência e de meios como ambulâncias.
Na próxima semana, assine as petições!

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Concurso Nacional de Leitura

Está a decorrer mais uma edição do Concurso Nacional de Leitura, cuja prova de seleção será realizada na escola no dia 14 de janeiro de 2015.
. As obras selecionadas para esta 1ª fase são:

Ensino Básico
- "O fantasma de Canterville" de Oscar Wilde
- A Aia (no livro "Contos") de Eça de Queirós

Ensino Secundário
- Azul-Cobalto (no livro "Meninas") de Maria Teresa Horta
- "As Pequenas Memórias" de José Saramago

O regulamento pode ser consultado aqui! Participa!

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher

Intervenção no espaço escolar para assinalar este dia realizada com a colaboração da Prof Cristina Vouga e alunos do 10º ano de Artes.
Muito obrigada pela colaboração!





"O teu namorado de 16 anos não é nervoso, é uma besta!

Um grande texto do jornalista Paulo Farinha, para ler e refletir:

"Enviar-te 35 mensagens durante o dia a dizer que te ama e a perguntar onde estás não é uma prova de
amor. É uma prova de que ele é um controlador e que, se tu deixas que ele o faça e não pões um travão a tempo, a coisa só vai ter tendência para piorar ainda mais.

Fazer-te perguntas sobre dinheiro não é indício de estar atento aos tempos difíceis em que vivemos, e reflexo de uma educação de poupança. Falar muitas vezes disso indica, isso sim, que um dia ele vai querer controlar o teu dinheiro. Aliás, se dependesse dele, era ele que geria já a tua mesada. Quanto gastas. Quando gastas. Em que gastas. Quando deres por ti, estarás a pedir-lhe autorização para comprar coisas para ti.

Pedir a password do teu e-mail ou da tua conta de Facebook não é sinal de que vocês nada têm a esconder um do outro. Não é sinal de que, entre vocês, tudo é um livro aberto. Mesmo que ele insista em dar-te a password dele. Isso é um sinal de desconfiança permanente. E um passo grande para o fim da tua privacidade. Sabes o que é privacidade, certo? É uma zona tua, onde mais ninguém entra. A não ser que tu queiras.

Os comentários sobre a roupa que usas ou o novo corte de cabelo não revelam um ciuminho saudável. Revelam que é ciumento. Ponto. Pouco lhe importa se tu gostas daquele top, daqueles calções ou daquelas calças apertadas. Entre os argumentos usados, talvez ele diga que já não precisas de te vestir assim, porque isso atrai a atenção de outros rapazes e tu já tens namorado. Se não fores capaz de lhe dizer, na altura, que te vestes assim porque te apetece, não para lhe agradar, pensa que este é o mesmo princípio que leva muitas sociedades a obrigar as mulheres a usar burka... Não é exagero. Controlar o que tu vestes é exatamente a mesma coisa.

Perguntar-te a toda a hora quem é que te telefonou ou ver o teu telemóvel, à procura das chamadas feitas e atendidas e das mensagens enviadas e recebidas não é um reflexo de pequeno ciúme. É um sinal de grande insegurança. Faças tu o que fizeres, dês tu as provas de amor que deres (na tua idade, o amor ainda tem muito para rolar, mas tu perceberás isso com o tempo), ele sentirá sempre que é pouco. E vai querer mais, e mais. E tu terás cada vez menos e menos.

Apertar-te o braço com mais força num dia em que se chatearam e lhe passou qualquer coisa má pela cabeça não é um caso isolado e uma coisa que devas minimizar porque ele estava nervoso. Aconteceu daquela vez e é muito, muito, muito provável que volte a acontecer. Um dia ele estará mais nervoso. E a marca no teu braço será maior. E mesmo que ele «nunca tenha encostado um dedo» em ti, a violência psicológica pode ser tão ou mais grave do que a física.

Gostar de ti mas não gostar de estar com os teus amigos não é amor. É controlo. E é errado. O isolamento social é terrível. Continuar a telefonar-te insistentemente depois de tu teres dito que queres acabar a relação, ou encher-te o telemóvel com mensagens a pregar o amor eterno, não significa que ele esteja a sofrer muito. Significa, sim, uma frustração em lidar com a rejeição. E se pensares em voltar para ele, pensa que da próxima vez que isso acontecer ele vai telefonar-te mais vezes. E enviar-te mais mensagens.

Guardares estas coisas para ti não é um sintoma da tua timidez. Não quer dizer que sejas reservada. É uma estratégia de defesa tua. E um pouco de vergonha, à mistura, não é? E que tal partilhares isso? Ficarias espantada com a quantidade de amigas tuas que passam por situações semelhantes."


"Violência no Namoro"







Conhces o folheto sobre "Violência no Namoro" elaborado pelas Bibliotecas Escolares com base em informação recolhida em:
                  APAV—http://www.apav.pt
                  AMCV—http://www.amcv.org.pt/

Para acederes clica aqui!

Campanha "Uma Voz Activa contra a Violência Doméstica"

Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher

Campanha da APAV sobre Violência contra a Mulher:

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Sábado - 17º aniversário da Biblioteca Municipal

A Biblioteca Municipal de Mangualde Dr. Alexandre Alves celebra, no próximo dia 22 de novembro, o seu 17º aniversário e convida toda a população a comemorar mais um ano. A iniciativa começa pelas 22h00 e a entrada é livre, mas condicionada à lotação de espaço, podendo os bilhetes ser requisitados na Biblioteca. A iniciativa conta com a parceria da AMARTE e do Agrupamento de Escolas de Mangualde.
O mote deste ano são os anos 60, num ambiente que vai tentar explorar um pouco o que se fez de espetáculos no cine teatro de Mangualde nessa década. Espetáculo com a banda "The Ray Band", atuação dos alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo, dança, teatro e leituras compõe o programa desta comemoração.
Parabéns à biblioteca municipal pelo trabalho desenvolvido e muito obrigada pela colaboração que tem dado às bibliotecas escolares e aos alunos e alunas do agrupamento! 

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Novas aquisições na biblioteca

Dois excelentes livros para ler agora que se aproxima o dia 25 de novembro, Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher.
Não deixes de ler!

Eu, Malala – a minha luta pela liberdade e pelo direito à educação

No dia 9 de outubro de 2012, Malala Yousafzai, então com 15 anos, regressava a casa vinda da escola quando a carrinha onde viajava foi mandada parar e um homem armado disparou três vezes sobre a jovem. Nos últimos anos Malala – uma voz cada vez mais conhecida em todo o Paquistão por lutar pelo direito à educação de todas as crianças, especialmente das raparigas – tornou-se um alvo para os terroristas islâmicos. Esta é a história, contada na primeira pessoa, da menina que se recusou a baixar os braços e a deixar que os talibãs lhe ditassem a vida. É também a história do pai que nunca desistiu de a encorajar a seguir os seus sonhos numa sociedade que dá primazia aos homens, e de uma região dilacerada por décadas de conflitos políticos, religiosos e tribais.

Eu, Malala é um livro que nos leva numa viagem extraordinária e que nos inspira a acreditar no poder das palavras para mudar o mundo.
A adolescente que desafiou os talibãs tornou-se, em 2014, na pessoa mais jovem a receber o Prémio Nobel da Paz, em reconhecimento pela sua luta pelos direitos humanos. Aos 17 anos, Malala Yousafzai foi também considerada uma das Adolescentes Mais Influentes do Mundo, pela revista Time.

Meninas – Maria Teresa Horta

Do fabuloso monólogo de Lilith num paradisíaco ventre materno, primeiro conto deste volume, até «Estrela», que fecha o livro, numa violenta, mas irresistível, história de abuso sexual paterno que leva a filha ao suicídio, Maria Teresa Horta traça, num português sumptuoso, ao longo de mais de trinta contos, uma vasta e belíssima galeria de «Meninas». Quase todas negligenciadas, quando não abandonadas e maltratadas, entregam-se à magia ou à leitura salvadoras. É assim com Beatriz, à beira do abismo no Faial, com Laura, abandonada pela mãe em «Eclipse», com Branca, perseguida pela madastra e o pai, com Maria do Resgate, que abre a porta aos anjos na falta da mãe, com Rute, ladra «sem culpa» de uma rosa apaixonante. Mas também com a infância de personagens históricas como a sanguinária condessa húngara Erzsébet, com a rebelde Carlota Joaquina, inconformada com um destino que não quis, a seduzir e enfeitiçar o pintor Maella autor do seu retrato oficial, ou literárias como Katie Lewis, apaixonada pela leitura e assim retratada por Edward Burne-Jones, a gerar o fascínio de Oscar Wilde. "As Meninas" é um livro mágico e encantador, com que Maria Teresa Horta abre um novo rumo na história da literatura portuguesa.

Novos filmes na Biblioteca

Adquirimos os filmes "O Mordomo" e " O sorriso de Mona Lisa"que podem ser requisitados na biblioteca!

   O Mordomo - Cecil Gaines nasceu numa plantação de algodão da Georgia, USA, durante a década de 1920. Uma noite, depois de fugir da plantação, é apanhado a roubar. Apesar do roubo, é contratado pelos proprietários, que o ajudam na sua educação. Depois de vários anos, é recomendado para servir num luxuoso hotel, em Washington. Em 1957, é então contratado para servir na Casa Branca, onde acaba por ocupar o lugar de mordomo. A cor da sua pele não é impedimento para que seja promovido ao longo dos anos, sendo sempre reconhecido pela sua competência e personalidade. E é assim que, por mais de três décadas, Cecil vai servindo sete presidentes, de Dwight D. Eisenhower, em 1957, a Ronald Reagan, em 1986, ano em que decidiu reformar-se. Realizado por Lee Daniels , apresenta no elenco, um luxuoso leque de actores: Forest Whitaker, Oprah Winfrey, John Cusack, Mariah Carey, Jane Fonda, Lenny Kravitz, Robin Williams... 
 A banda sonora fica a cargo do português Rodrigo Leão.


O Sorriso de Mona Lisa - O sorriso de Monalisa", retrata a submissão da mulher na década de 50, numa sociedade conservadora e machista, em que as mulheres eram orientadas para serem excelentes mães, esposas e donas de casa. Passa-se no Wellesley College, uma escola tradicional, para onde vai lecionar História de Arte a professora Katherine Watson. (Julia Roberts). Para além de utilizar métodos de ensino inovadores, a nova docente tenta que as alunas alarguem horizontes e percebam que a sua vida não tem de estar apernas confinada ao papel de esposa e mãe., incentivando-as a que se realizem profissionalmente.

sábado, 15 de novembro de 2014

Filmes-concerto na BM


Decorreu ontem na Biblioteca Municipal a apresentação dos filmes-concerto NUMBER, PLEASE? e VIAGEM À LUA que foram musicados ao vivo por José Carlos Sousa, diretor do Conservatório Regional de Música de Viseu e por Nuno Silva.

NUMBER, PLEASE? levou-nos ao admirável Harold Lloyd, um dos expoentes da época de ouro do cinema burlesco americano e VIAGEM À LUA é a mais conhecida das centenas de produções de Georges Méliès, um dos grandes génios da história do cinema. 

A atividade, que agradou imenso a todos os alunos e professores que assistiram, encerrou o ciclo Aprender em Festa 2014.

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Este mês nas bibliotecas...

Bem -vindos a novembro!
No dia 14 encerraremos o Aprender em Festa 2014 com a exibição do filme-concerto “Viagem à lua” e “Number, please” dois clássicos do cinema que serão exibidos com uma atuação ao vivo dos músicos José Carlos Sousa e Nuno Silva. A atividade dirige-se aos alunos do 3º ciclo e do ensino secundário e acontecerá na Biblioteca Municipal.

No dia 20 comemora-se o Dia Internacional dos Direitos da Criança e a data será vivida na GEA e na ACO, com exposições de materiais, ações de sensibilização e o lançamento do concurso literário “Histórias com Direitos” para os alunos do 1º ciclo (3º e 4º anos) e do 2º ciclo. O regulamento será publicado em breve.

A Biblioteca Municipal comemora mais um aniversário realizando uma noite ao “sabor dos anos 60” na qual está prevista muita música e as atuações dos alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo. Vai ser uma noite a não perder!

No dia 25 assinalamos na ESFA o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, um crime que, infelizmente, tem trazido para a comunicação social as histórias de terror vividas por muitas mulheres no nosso país. Estão previstas algumas ações de sensibilização para o tema e a exibição de um filme que será designado brevemente.

Continuam as atividades/ desafios mensais “Ler é para já!, Autor do Mês, S.M.S. Saber Mais Sobre, Quem é o autor? E Algoritmo.

Bom mês… boas leituras!

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Leituras Enfeitiçadas


Espetáculo Leituras Enfeitiçadas logo à noite na Biblioteca Municipal! 
Uma noite mágica que contará com as atuações dos alunos do Curso Profissional de Artes do Espetáculo, da AMARTE e das técnicas da BM. A magia e a entrega de prémios do concurso "Leituras Enfeitiçadas" completam o programa.
 Não faltes!

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Campo de Trabalho

Até 30 de outubro estão abertas as inscrições para o 15.º Campo de Trabalho da Amnistia Internacional Portugal. Jovens de todo o país vão juntar-se durante quatro dias, em São Pedro do Sul, para debater temas relacionados com os direitos humanos.
De 6 a 9 de novembro, a Pousada da Juventude de São Pedro do Sul vai receber cerca de 60 jovens para a 15ª edição do Campo de Trabalho da Amnistia Internacional Portugal “Vamos defender os direitos humanos”.
Destinado a jovens dos 15 aos 18 anos, o campo pretende sensibilizar para a defesa e promoção dos direitos humanos e mobilizar para o ativismo. As ferramentas são jogos, dinâmicas, trabalhos de grupo, entre outras metodologias. Fazem parte do programa deste ano temas como o papel dos jovens no ativismo, a igualdade de género e as duas mais recentes campanhas da Amnistia Internacional: direitos sexuais e reprodutivos e tortura.
inscrição no campo de jovens tem o valor total de 30 euros. Estão incluídos: alojamento na Pousada de São Pedro do Sul e refeições. A chegada e partida do campo são da responsabilidade dos participantes, tendo a Amnistia Internacional monitores em alguns pontos da cidade. O prazo de inscrição termina a 30 de outubro.

Desafio "Mês Internacional da BE"

Já foram apuradas as alunas vencedoras do passatempo "Mês Internacional da BE" que dinamizámos na nossa página do Facebook:

                          - Ana Margarida Caçador - 10º A
                          - Carolina Vouga - 10º D
                          - Catarina Abrantes - 9º G

A Biblioteca ofereceu  a todas  o livro "Missão Impossível" de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada. Parabéns e obrigada pela vossa participação!

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

BiblioPaper - resultados

Parabéns à turma do 9º F que obteve a melhor classificação no BiblioPaper, atividade inserida no Mês Internacional das Bibliotecas Escolares, com 286 pontos. 
Em 2º lugar classificou-se o 9º C com 269 pontos e o 3º lugar pertence ao 9º D com 260 pontos.
A grelha com as classificações de todas as turmas encontra-se afixada no átrio da BE.

Destacamos ainda os resultados de dois grupos do 9º C - o grupo da Beatriz, da Mariana, da Inês e da Rita e o grupo do Mário, do Rodrigo, do Marco e do João por terem sido os únicos que obtiveram a pontuação total neste desafio.

Aos alunos vencedores a biblioteca ofereceu uma pequenina lembrança - um marcador de livros e um lápis.

Parabéns a todos os alunos e muito obrigada por terem participado nesta atividade que esperamos tenha contribuído para conhecerem melhor a biblioteca escolar!

terça-feira, 21 de outubro de 2014

"O Livro do Desassossego"


O livro de Fernando Pessoa e muitas das obras mais emblemáticas da literatura portuguesa podem ser acedidas para leitura integral a partir do moodle das bibliotecas escolares.

É só clicar em "Procurar" e depois nas disciplinas ativar o item "leitura". Para ir diretamente ao link basta clicar aqui!

Boas leituras!

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Receção aos alunos do 9º ano

Durante as últimas semanas recebemos na Biblioteca Escolar os alunos do 9º ano de escolaridade. Dar a conhecer o espaço, os serviços que disponibilizamos, a forma como organizamos os materiais e divulgar algumas das atividades mais emblemáticas que dinamizamos foram os objetivos que nos propusemos atingir. No final, os alunos realizaram uma atividade em grupo procurando as respostas para as questões do bibliopaper que lhes propusemos e cujos resultados afixaremos na próxima semana.


Obrigada a todos os alunos e às docentes Alzira Rocha, Goreti Tavares, Paula Loureiro e Teresa Azevedo que os acompanharam!


Esperamos que nos visitem muitas vezes! 

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Recursos Educativos sobre Alimentação no moodle das BE's


Este guia e outros recursos sobre alimentação podem ser descarregados a partir do moodle das Bibliotecas Escolares ou clicando aqui (link direto ao separador)!

Aprende a fazer uma alimentação saudável.

Informa-te... pela tua saúde!

Dia Mundial da Alimentação






Alguns cartazes do PASSE - Programa Alimentação Saudável em Saúde Escolar que recordamos hoje, Dia Mundial da Alimentação! PP

Dia Mundial da Alimentação


Expositor dos recursos existentes na biblioteca sobre Alimentação 

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Prémio Nobel da Paz para a paquistanesa Malala e o indiano Kailash Satyarthi


O Prémio Nobel da Paz foi atribuído na passada sexta-feira à ativista paquistanesa Malala Yousufzai e ao indiano Kailash Satyarthi "pela sua luta contra a repressão de crianças e jovens e pelo direito de todas as crianças à educação. 

Malala Yousufzai tornou-se conhecida pela sua defesa do direito universal à educação em todo o mundo. Em 2012, a jovem foi alvo de um atentado por um grupo de taliban que controlava a região paquistanesa onde vivia. Malala sobreviveu e tornou-se uma das vozes mais ouvidas na área dos direitos das crianças à educação. Entre as muitas acções em que participou, sublinha-se o seu discurso na sede da ONU em Nova Iorque, em que apelou à tolerância e compreensão entre os povos. 

Kailash Satyarthi, 60 anos, abandonou uma carreira de engenheiro electrónico para se dedicar à luta contra o trabalho infantil nos anos 1980. A organização que fundou, Bachpan Bachao Andolan, já conseguiu retirar perto de 80 mil crianças do trabalho escravo, conseguindo devolvê-las à educação e ajudar na sua reintegração. Satyarthi é o promotor de vários movimentos da sociedade civil, incluindo o maior dedicado a este tema, a Marcha Global contra o Trabalho Infantil, que une organizações não-governamentais, sindicatos de professores e de comércio de todo o mundo (2000 grupos em 140 países). Também fundou a Campanha Global pela Educação, que visa combater a crise global na área.

“Uma criança, um professor, uma caneta e um livro podem mudar o mundo”
Malala

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Patrick Modiano - Prémio Nobel da Literatura

O escritor francês Patrick Modiano é o galardoado com o Prémio Nobel da Literatura 2014. 

A Real Academia de Artes Sueca justifica sucintamente a decisão: "Pela arte da memória com que ele evocou o mais incompreensível dos destinos humanos e pôs a descoberto da vida no mundo da ocupação".

Patrick Modiano nasceu em Boulogne-Billancourt, nos arredores de Paris, em Julho de 1945, e publicou o seu primeiro romance, "La Place de l'Étoile" em 1968. Com "Rue des boutiques obscures" obteve, em 1978, o Prémio Goncourt. Em 1972, recebeu o Grande Prémio de Romance da Academia Francesa. 
Considerado um dos mais importantes escritores franceses, e autor de uma vasta obra, Modiano foi distinguido recentemente com o Grande Prémio Nacional das Letras e com o Prémio Margerite-Duras.
O galardão será entregue numa cerimónia em Estocolmo, a 10 de dezembro, dia do aniversário do industrial Alfred Nobel, que instituiu o galardão.
O ano passado a vencedora foi a canadiana Alice Munro. José Saramago foi o único autor de língua portuguesa a ganhar o prémio Nobel da Literatura, em 1998.

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Este mês... nas bibliotecas!


Outubro é o Mês Internacional da Biblioteca Escolar. A International Association of School Librarianship (IASL) propõe, como anualmente acontece, um tema aglutinador — A tua biblioteca escolar: um mapa de ideias (tradução adotada pela RBE). Em todo o mundo, este mês é aproveitado para reforçar a visibilidade das bibliotecas escolares e a consciencialização acerca do seu valor nas aprendizagens. É também com essa intenção que receberemos os novos alunos nas bibliotecas do agrupamento. Dar a conhecer os espaços (físico e online), os recursos disponíveis, a forma de organização dos materiais e, fundamentalmente, sensibilizar para a importância da utilização da biblioteca como parceira no processo de ensino-aprendizagem.  

À semelhança de anos anteriores está a decorrer a 4ª edição do concurso “Leituras Enfeitiçadas” dirigido a alunos do ensino pré-escolar ao 9º ano. O concurso prevê duas modalidades – expressão plástica e expressão escrita - e é desenvolvido em articulação com a Biblioteca Municipal que se encontra já a preparar o sarau da noite de Halloween que decorrerá no dia 31, onde faremos a entrega de prémios aos alunos vencedores.

A Biblioteca da ESFA apoia a realização do concurso promovido pela Ação Pólis “Soluções Locais para Estratégias Regionais” direcionado aos alunos finalistas. Os jovens são convidadas/os, em grupos de 3 a 5 elementos, a propor um projeto para o seu município que responda a uma problemática regional identificada em Viseu Dão Lafões. O prémio será uma viagem ao Parlamento Europeu! Consulta o site 
http://opendaysregions.acaopolis.pt e não percas esta oportunidade. Informa-te na biblioteca!  

Também como é já habitual, em parceria com o CineClube de Viseu irá realizar-se o Aprender em Festa 2014, um programa dedicado ao cinema de animação, que inclui propostas para a realização de oficinas e exibição de filmes (curtas e longas metragens).

No dia 16 assinalaremos o Dia Mundial da Alimentação, propondo algumas atividades que reforcem a importância de nos alimentarmos saudavelmente. 

Iniciamos na GEA e na ACO a “Hora do Conto” e uma série de desafios mensais.


Bom mês… boas leituras!

Dia Mundial da Música - sugestão

No dia Mundial da Música a Biblioteca sugere:

As Mulheres de Mozart 
                                                                                                        de Stephanie Cowell

As Mulheres de Mozart, obra baseada na genial figura do músico e compositor barroco, transporta o leitor até à vida do magistral criador que marcou para sempre a história da música universal. Partindo de factos reais desenha um retrato dos anos da juventude de Mozart, descrevendo as dificuldades que terá tido de enfrentar entre o momento em que deixou de ser considerado uma criança prodígio e a ocasião em que foi finalmente aceite como um grande compositor. O seu contacto assíduo com as quatro irmãs Weber, filhas de um professor de cravo e copista de pautas, transforma-se em paixão por uma delas, vindo mais tarde a contrair matrimónio com Constanze, apesar da desaprovação da mãe da jovem. Um romance entretecido por fios musicais que aborda a perspetiva humana de Mozart mais do que a sua carreira profissional. Deixe-se encantar pela atmosfera do século XVIII através de uma criação original da figura histórica de Mozart e as quatro jovens mulheres que fizeram parte da sua paixão, da sua música e do seu coração.

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Concurso "Leituras Enfeitiçadas!"


As Bibliotecas Escolares em articulação com a Biblioteca Municipal lançam a 4ª edição do Concurso "Leituras Enfeitiçadas", destinado a todos os alunos do agrupamento do ensino pré-escolar ao 3º ciclo.
Consulta o regulamento aqui! 


segunda-feira, 15 de setembro de 2014

"Missão Impossível" de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada



Uma oferta da Fundação Jorge Álvares para que, em conjunto com a Biblioteca Digital Fundação Jorge Álvares, constitua um instrumento de fomento do conhecimento sobre o Oriente (história, cultura e tradições da China e de Macau) e sobre a presença portuguesa naquelas paragens.

Disponível nas várias bibliotecas do agrupamento.

sábado, 13 de setembro de 2014

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Vais candidatar-te ao ensino superior?



Ministério da Educação e Ciência lança um novo portal para ajudar os alunos a escolher um curso superior. 

Clica aqui! 

terça-feira, 8 de julho de 2014

"Em Quarto Crescente"


Finalizada a 2ª edição do " Em Quarto Crescente" as professoras bibliotecárias agradecem o convite feito pelo Vereador da Cultura, Sr João Lopes para, uma vez mais, integrarem a organização deste evento. 
Apesar do frio que se fez sentir na maioria destas 5 noites tivemos "casa cheia" em todas elas, o que nos fez sentir que o muito trabalho que todos tivemos valeu a pena! 
Obrigada ao público que nos acompanhou e obrigada a todos os elementos que fizeram parte desta grande equipa pelos bons momentos que partilhámos. Um agradecimento muito especial às alunas e alunos do agrupamento que, tal como nós, se empenharam para que tudo corresse bem.

Ficam algumas fotos desta iniciativa!

quinta-feira, 26 de junho de 2014

"Em Quarto Crescente" - 2ª edição


É já na próxima 4ª feira que iniciamos a 2ª edição do "Em Quarto Crescente ... noites de encontros com as artes em mente". O evento é uma iniciativa da Câmara Municipal de Mangualde, através do Pelouro da Cultura (Gabinete de Património Gestão e Programação Cultural e Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves) e tem como parceiros o Agrupamento de Escolas, as Bibliotecas Escolares, e a Associação Amarte.

O objetivo é a dinamização do espaço nocturno da cidade num ambiente de café concerto onde estarão presentes diversas artes - literatura, música, artes plásticas, cinema, teatro... e envolve a participação de vários alunos do agrupamento!

A partir do dia 2 de julho no Largo Dr. Couto... junte-se a nós!

segunda-feira, 2 de junho de 2014

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Histórias Incendiárias


Amanhã na Biblioteca Municipal, uma performance que integra a programação do Viseu A, destinada ao público escolar.

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Dia do Autor Português


Instituído em 1982 pelo maestro Nóbrega e Sousa, o Dia do Autor Português é comemorado no dia 22 de maio e pretende homenagear os autores portugueses nas mais diversas áreas como a pintura, a literatura, a poesia, a música ou o cinema que têm contribuído para o enriquecimento da cultura portuguesa com as suas criações e distinguir aqueles que se destacaram na defesa e promoção dos direitos de autor. 


 A Sociedade Portuguesa de Autores premiou este ano os seguintes autores:

ARTES VISUAIS Melhor Trabalho Fotográfico “Rei Capitão, Soldado Ladrão” de Jorge Molder 
Melhor Exposição de Artes Plásticas “A Substância do Tempo” de Jorge Martins
Melhor Trabalho Cenográfico “O Preço” – António Casimiro e João Lourenço 
DANÇA Melhor Coreografia “Salto”, de André Mesquita 
RÁDIO Melhor Programa de Rádio “5 Minutos de Jazz” – Antena 1: José Duarte 
PRÉMIO AUTOR INTERNACIONAL Rui Mingas 
TELEVISÃO Melhor Programa de Entretenimento “Odisseia” – Autoria: Gonçalo Waddington, Bruno Nogueira e Tiago Guedes /Realização: Tiago Guedes – RTP1 
Melhor Programa de Ficção “Linhas de Torres” -Autoria: Carlos Saboga / Realização: Valeria Sarmiento Melhor Programa de Informação “Travessia no Deserto”- Mafalda Gameiro – RTP1 
CINEMA Melhor Argumento Luís Filipe Rocha em “Até Amanhã Camaradas”
Melhor Actriz Maria João Bastos em “ Bairro” 
Melhor Actor Gonçalo Waddington em “ Até Amanhã, Camaradas”
MÚSICA Melhor Canção “Lenço Enxuto” de Samuel Úria 
Melhor Trabalho de Música Erudita “Magnificat” de António Pinho Vargas 
Melhor Disco “Almost Visible Orchestra” de Noiserv 
PRÉMIO MELHOR PROGRAMAÇÃO CULTURAL AUTÁRQUICA ANMP – Associação Nacional dos Municípios Portugueses 
TEATRO Melhor Texto Português Representado “Sabe Deus Pintar o Diabo”- Abel Neves 
Melhor Espetáculo “Yerma” – João Garcia Miguel: João Garcia Miguel Unipessoal LDA 
Melhor Actriz Flávia Gusmão em “As Centenárias” 
Melhor Actor João Perry em “ O Preço” 
LITERATURA Melhor Livro Infanto-Juvenil “O Senhor Pina” de Álvaro Magalhães e Luiz Darocha (Ilustrador), Ed. Assírio & Alvim 
Melhor Livro de Poesia “Gaveta do Fundo”, de A.M. Pires Cabral, da Ed. Tinta da China 
Melhor Livro de Ficção Narrativa “Para Onde Vão os Guarda-Chuvas”, de Afonso Cruz. Ed. Alfaguara 
PRÉMIO VIDA E OBRA DE AUTOR NACIONAL Professor José-Augusto França

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Concurso 7 Dias, 7 Dicas sobre os Media 2014

Um dos trabalhos que foi premiado com uma menção Honrosa no Concurso "7 Dias, 7 Dicas sobre os Media"