terça-feira, 24 de maio de 2016

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Dia do Autor Português

Ontem assinalou-se o Dia do Autor Portuguêsum dia dedicado a todos os profissionais da criação e do desenvolvimento de ideias, criadores de bens culturais imateriais.


Instituído em 1982 pelo maestro Nóbrega e Sousa, o Dia do Autor Português é comemorado no dia 22 de maio e pretende homenagear os autores portugueses nas mais diversas áreas artísticas como a pintura, a literatura, a poesia, a música ou o cinema que têm contribuído para o enriquecimento da cultura portuguesa com as suas criações e distinguir aqueles que se destacaram na defesa e promoção dos direitos de autor.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

YVT Movimenta-te+ ajuda a GRUMAPA!


No âmbito do projeto de voluntariado que desenvolvem o grupo Young Volunteam Movimenta-te+ encontra-se desta vez a apoiar a Grumapa (grupo mangualdense de apoio e proteção de animais) com o objetivo de angariar bens para os animais. 
Diversas ações estão a ser levadas a cabo nas várias escolas do agrupamento - recolha de rações, venda de ímanes produzidos pelos alunos, venda de flores... Apoiando a divulgação da atividade, a biblioteca elaborou a faixa que se colocou na ESFA.

Colabore nesta iniciativa!

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Inaugurada a "Innov@tive Classroom Lab"

Foi ontem inaugurada na nossa escola a Sala de Aula do Futuro - o EduFor Innov@tive Classroom Lab é inspirado no “Future Classroom Lab” existente em Bruxelas, desenhado pela European SchoolnetÉ um Ambiente Educativo Inovador que desafiará os utilizadores e os visitantes a repensar o papel da pedagogia, do design e da tecnologia nas salas de aula. Envolverá alunos, professores, parceiros da indústria e outros intervenientes educativos no sentido de desenvolver visões sobre a Escola do Futuro e estratégias de concretização.
O EduFor Innov@tive Classroom Lab será usado para a formação de professores e por alunos em contexto de sala de aula (currículo normal e com Necessidades Educativas Especiais). 

Parabéns a todos os que se envolveram para tornar esta sala possível na nossa escola! 




segunda-feira, 9 de maio de 2016

A Cidadania Europeia

Sabes o que significa ser Cidadão Europeu?



No moodle das Bibliotecas Escolares encontras uma série de Recursos Educativos sobre a União Europeia. Para teres acesso só precisas de clicar aqui



Dia da Europa

A União Europeia é uma união económica e política de características únicas, constituída por 28 países europeus que, em conjunto, abarcam grande parte do continente europeu.
A UE foi criada logo após a Segunda Guerra Mundial. A intenção inicial era incentivar a cooperação económica, partindo do pressuposto de que se os países tivessem relações comerciais entre si se tornariam economicamente dependentes uns dos outros, reduzindo assim os riscos de conflitos.
Dessa cooperação económica resultou a criação da Comunidade Económica Europeia (CEE) em 1958, então constituída por seis países: Alemanha, Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Países Baixos. Desde então, assistiu-se à criação de um enorme mercado único em permanente evolução.
Conhece num minuto a história do nascimento da União Europeia!

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Este mês nas bibliotecas...


Iniciaremos maio com a fase distrital do Concurso Nacional de Leitura destinada a apurar os alunos que representarão Viseu na fase nacional que deverá acontecer no mês de junho.

No dia 9 comemora-se o Dia da Europa festejando-se a paz e a unidade do continente europeu. 

Há duas exposições para visitar na ACO - "Quem disse que os alunos não gostam de escrever" e "Ilustrar um conto" que resultaram de articulações estabelecidas entre a biblioteca e docentes dos grupos de Expressões e de Português. Vale a pena ver os trabalhos dos nossos alunos!

No dia 22 comemora-se o Dia do Autor Português e teremos na nossa escola o escritor Carlos Paixão que apresentará o livro "O vento bateu à porta". A atividade está direcionada para os alunos mais pequenos e irá decorrer na Biblioteca Municipal. Também a assinalar a data será lançado o desafio "Autores e Livros" pelo que convidamos os alunos a participar!

Mantemos os concursos e desafios habituais!

Bom mês... boas leituras!


quarta-feira, 4 de maio de 2016

Concurso Nacional de Leitura - fase distrital

Realizou-se ontem em São João da Pesqueira a fase distrital do Concurso Nacional de Leitura. Lembramos que as provas escritas incidiram sobre as obras "Os livros que devoraram o meu pai" de Afonso Cruz e "O fantasma de Canterville" de Oscar Wilde para os alunos do ensino básico e "O Último Cabalista de Lisboa" de Richard Zimler e "Prometo falhar" de Pedro Chagas Freitas para o ensino secundário.
Os alunos do Agrupamento de Escolas de Mangualde marcaram presença mas nenhum foi apurado para representar o distrito na prova nacional que deverá decorrer durante o mês de junho. Não deixam no entanto de estar de parabéns pela sua participação nesta iniciativa que tem como principal objetivo incentivar o gosto pela leitura!

Parabéns a todos!




terça-feira, 3 de maio de 2016

Exposição de Sérgio Amaral

Ainda é possível visitar na biblioteca a exposição de cerâmica do artista Sérgio Amaral. A exposição integra-se na iniciativa IV Diálogo e Encontro com Diferentes Profissões Artísticas dinamizada pelo grupo de Expressões que decorreu na ESFA no dia 14 de abril. Aproveite e conheça melhor o trabalho deste artista de Mangualde. 

 Oriundo de Mangualde, Santa Luzia, nasceu no ano de 1959. Em 1978 até 1982, dedica-se à pintura e realiza algumas exposições. Em 1982 desenvolve pesquisas experimentais e ensaios com novos materiais, como o ferro e o barro, dando início ao seu percurso pela cerâmica, manifestando um especial interesse pelo Barro Negro. Perscruta desde então todas as possibilidades que esta técnica permite associadas ao Rákú, o Negro Primitivo, as Reduções, etc. No ano de 1988 frequenta uma oficina de gravura na Fundação Calouste Gulbenkian, orientada por Rui Marçal e frequenta o curso de Cerâmica à Roda. Retorna à pintura e adquire o Prémio Obra de Mérito, no IV Salão de Pintura da Feira de São Mateus em 1998. Na década de 90 é convidado pelo ICEP, deslocando-se à Áustria e é monitor da DEFICOOP (1989-90). Participa com Manuel Keller Soria, no Curso de Reflexos Cerâmicos (1992) e concebe o cartaz para a peça de Teatro Vicentina “Quem tem farelos” (1993). Autodidata, desenhista, pintor e ceramista de vocação, este artista em vinte anos de atividade possui no seu currículo mais de cinquenta exposições individuais e coletivas de pintura, escultura, cerâmica e olaria. Opta pelo modo de cozedura tradicional, em soenga, e a técnica de cozedura oriental associada ao Rákú. Criador dos Matarrachos, formas originais e peculiares de inspiração mística, em 2002 divulga esta obra em várias mostras de artesanato o que vem a impulsionar a sua atividade e que considera ser o pilar do seu trabalho. Os Matarrachos são origem da sua criatividade, têm-se revelado uma conceituada obra de arte ao longo dos tempos.
(fonte: Turismo de Mangualde)